Sara VI

Ainda consigo sentir a tua respiração, quente, ardente, o sabor dos teus lábios vermelhos, saborosos, as curvas, o teu corpo e o meu, juntos.

(O meu corpo fica bonito ao lado do teu.)

Fazes das madrugadas quentes, objecto do desejo.

 

Amo-te.

 

publicado por Gualter Ego às 18:18 | link do post | comentar