...

Sabes o meu nome?

Diz-mo, então, que eu esqueci-me dele...

publicado por Gualter Ego às 20:20 | link do post | comentar