Sexta-feira, 21.01.11

Lua.

O vento arrebata os pinheiros,

O vento varre montes inteiros,

Tenho-lhe a secura nos lábios,

Tenho-lhe a força de cem guerreiros.

 

E a Lua, lá do cimo,

Redonda e brilhante,

Candura, todo aquele semblante,

Olha por mim, no escuro,

Corre, futuro,

Ofegante.

 

E a Lua, lá do cimo,

Vê por onde vou,

Se eu souber para onde vou.

E toda a força que restou

Foi a dos homens que a Lua amou.

publicado por Gualter Ego às 23:22 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Blue is the colour of melancholy.

I'm going to become a blues player,

Only because you make me blue,

Lord, won't you answer to my prayer?

Lord, I'm done talking to you.

publicado por Gualter Ego às 00:11 | link do post | comentar | ver comentários (1)
origem

Follow me, e assim...

origem

links

arquivos

Janeiro 2011

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
15
17
19
25
26
28
29