Terça-feira, 19.01.10

Vs. Love

Queres ser a minha Yoko Ono, ou preferes a Courtney Love? Escolhe.

 

publicado por Gualter Ego às 23:10 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Aqua.

Morde-me o ego.

Adormece-me a dor, com a tua bebida incolor, vodca pura.

 

Dizer o teu nome é dizer "água".

 

 

publicado por Gualter Ego às 22:14 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Mãe.

 -Acho que estou constipado...

-Isso é de estares ali ao frio, sempre agarrado à guitarra e aos papéis e a aos lápis e às canetas...   

  -Oh mãe, estou a desenvolver a minha criatividade...                                                                         

-'Tá bem, mas podias vestir um casaco!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por Gualter Ego às 22:12 | link do post | comentar

André.

Agarras tudo o que eu sou, sem me fazer perder a cor.

Bebes-me as palavras e os abraços.

 

 

 

publicado por Gualter Ego às 21:26 | link do post | comentar | ver comentários (2)

Silêncio.

Quando a música acabar, alguém, por favor, apague as luzes.

 

publicado por Gualter Ego às 21:22 | link do post | comentar

Trono.

Sento-me no trono.

Ligo.

Penso.

Imagino.

Cago.

Limpo.

Desligo.

 

publicado por Gualter Ego às 21:14 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Animal.

Sou um animal de cativeiro:

Deambulo pelos corredores o dia inteiro.

 

Basta-me o pão e a água,

Para matar a mágoa.

De não ter amor nem dinheiro.

 

 

publicado por Gualter Ego às 21:08 | link do post | comentar

Fumo.

Há o fumo do cigarro eternamente perpétuo que fumas pela madrugada.

 

Desejas o fumo, mais que o próprio ar, como se ele te alimentasse a alma e o corpo, mas nem a alma ele ta alimenta e o corpo, só to mata.

Engoles o fumo e perdes a noção.

Perdes a noção do que é viver com o coração e amar a razão, para seres antónimo dela própria.

 

 

 

publicado por Gualter Ego às 21:00 | link do post | comentar

Dois olhos.

Olha para mim,

Aqui,

Com a tua cabeça poisada no meu peito.

 

Acordaste o amor,

Quando apagaste a dor.

 

 

publicado por Gualter Ego às 20:51 | link do post | comentar

Carne.

Amor, tens a pele mais macia que eu já toquei.

 

publicado por Gualter Ego às 20:49 | link do post | comentar

Estou à espera.

Estou à espera da maré que me vai levar, daqui.

Só os cheiros me prendem a este amontoado de betão chamado lar e às pessoas que vivem lá dentro, a que chamo de família.

 

Estou à espera do sono que me leve.

Sono profundo.

 

publicado por Gualter Ego às 20:44 | link do post | comentar

My beautiful friend.

 

This is the end.

My only friend, the end.

publicado por Gualter Ego às 20:41 | link do post | comentar

Peas and ants.

 

I am a little pea
I love the sky and the trees
I'm a teeny tiny little ant
Checking out this and that
I am nothing
Ahhhahhhh
So you have nothing to hide
And I'm a pacifist
So I can fuck your shit up
Oh yeah I'm small
Oh yeah I'm small

Fuck you asshole
You homophobic redneck dick
You're big and tough and macho
You can kick my ass
So fucking what

 

 

Pea - Red Hot Chili Peppers

publicado por Gualter Ego às 00:16 | link do post | comentar

Noventas.

Estou feliz.

Tenho três amigos imaginários.

 

 

Dave, Kurt & Krist

 

publicado por Gualter Ego às 00:10 | link do post | comentar

Barba.

Afirmo sem medo que a melhor coisa em ser homem é a infinita beleza artística da barba.

 

publicado por Gualter Ego às 00:05 | link do post | comentar
origem

Follow me, e assim...

origem

links

arquivos

Janeiro 2010

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
22
25
29
30
31