Teorias #6

O sentido da vida é como as chaves do carro: só aparece quando paramos de o procurar.

O pior, e desculpa lá desfazer-te assim os sonhos de menino, é que a vida não tem sentido.

A vida é só um distúrbio perpétuo no estado das coisas.

 

(Ou seja, já que não estamos cá a fazer nada, devíamos combinar um café...)

publicado por Gualter Ego às 10:37 | link do post