Faca.

Dúctil e maleável,

Alma minha;

Meu amor,

Poisa a faca,

Teus olhos bastam,

Mas o desejo é inegável,

E a bigamia traz calor.

publicado por Gualter Ego às 00:07 | link do post | comentar