Consta que é tarde, no relógio dos leigos.

Consta que é tarde, no relógio dos leigos.

 

Eu, o meu verdadeiro Eu, acabei de acordar. É uma pena, a noite ser tão desprezada como um horário útil.

 

Vou dormir.

publicado por Gualter Ego às 23:00 | link do post | comentar